Laboratório Citocenter

Exames

RUBEOLA IgM NEONATAL

MATERIAL
SANGUE CAPILAR
 
MEIO(S) DE COLETA
Papel filtro
 
*Preencher totalmente 2 círculos contidos no cartão.
 
VOLUME MÍNIMO
* Ver meio de coleta
 
INSTRUÇÕES DE PREPARO
Dieta: Coletar preferencialmente após 48 horas da primeira mamada.
Medicação: Uso de corticoides pela mãe e pelo bebê devem ser sinalizados no cartão de coleta.
Dados: Obrigatório o preenchimento da idade gestacional, peso e transfusão sanguínea no cartão de coleta.
 
INSTRUÇÕES DE COLETA
Coleta NEO:
Realizar a antissepsia do calcanhar do bebê com algodão umedecido em álcool 70%, massagear bem para ativar a vasodilatação. Quando o calcanhar estiver avermelhado, esperar o álcool secar e puncionar, com uma lanceta de ponta fina, o local escolhido. É importante esperar o álcool secar e não deixar que o cartão de coleta entre em contato com o calcanhar molhado.
Encostar o verso do primeiro círculo do papel-filtro na gota de sangue formada. Deixar o sangue fluir naturalmente. Fazer, lentamente, movimentos circulares com o papel, impedindo que o sangue coagule no calcanhar, ou no papel, durante a coleta. Permitir  que o sangue flua e preencha completamente a superfície do círculo. Não se deve incluir múltiplas gotas no mesmo círculo.
A coleta jamais deverá ser feita  na frente e no verso do papel para preencher o círculo. É necessário que o sangue  atravesse o papel filtro, preenchendo totalmente todos os círculos solicitados de forma homogênea dos dois lados do cartão, para que a quantidade de amostra seja suficiente, repetindo o procedimento anterior em um círculo de cada vez. O preenchimento deve ser sequencial, nunca retornar ao círculo anterior. O tempo de secagem varia conforme as características climáticas de cada dia e cada região. Recomenda-se um período inicial de três horas. O sangue, depois de seco, deve estar homogêneo e apresentar uma coloração amarronzada.
Para maiores informações vide links de Instruções de Coleta e Vídeo Teste do Pezinho.
 
É obrigatório que a coleta seja feita nos cartões de coleta fornecidos pelo laboratório Diagnósticos do Brasil.
 
O teste do pezinho detecta certas doenças em estágio inicial, por isso o período ideal para a coleta é entre o terceiro e o sétimo dia de vida e após a coleta, as amostras devem ser encaminhadas o mais rápido possível ao laboratório. Uma vez que a conservação e a agilidade no transporte da amostra são essenciais para a eficácia do teste.
 
INSTRUÇÕES DE REJEIÇÃO
Amostras recebidas diferente das condições solicitadas .
As amostras poderão ser rejeitadas para análise se a qualidade da coleta ou se a amostra de sangue for insatisfatória: sangue não homogêneo, contato com superfície estranha, papel amassado ou rasgado, mal colhido ou insuficiente, hemolisadas, amostra com aspecto escurecido, papel duro ou retorcido, contato com algum líquido estranho, plasma, coletas com conservantes  ou álcool durante a coleta, amostra com contaminação fúngica e amostra borrada.
 
INTERPRETAÇÃO
A Rubéola é uma infecção altamente contagiosa, transmitida pelo vírus do gênero Rubivirus. Embora na maioria dos casos a infecção seja subclínica, quando adquirida durante a gestação sua transmissão acontece da mãe infectada para o feto, por meio da placenta, ocasionando assim a Síndrome da Rubéola Congênita (SRC) que é decorrente da infecção da mãe pelo vírus da Rubéola durante as primeiras semanas da gravidez. Os principais sinais e sintomas da infecção intrauterina são o abordo espontâneo, malformação congênita de grandes órgãos e sistemas, deficiência auditiva e alterações neurológicas. É possível a ocorrência de formas leves, com surdez parcial ou pequenas deficiências cardíacas, que só serão diagnosticadas muito anos após o nascimento e quanto mais precoce for a infecção em relação à idade gestacional, mais grave é a doença.
 

Sinonímia

RUBEOLA IgM NEONATAL ; RUBIGMNEO

Informações Adicionais

Prazo de Entrega

7 Dias

Matarial

Sangue capilar Quantidade: 1 gts