Laboratório Citocenter

Exames

FATOR X ATIVIDADE

FAT10 – FATOR X
SINÔNIMOS:  FATOR DE STUART-PROWER, PROTROMBINASE, FATOR 10
 
 
MATERIAL
PLASMA CITRATADO
 

MEIO(S) DE COLETA
Tubo com citrato (azul)
 

VOLUME MÍNIMO
1,3 mL
 
MÉTODO
COAGULOMÉTRICO
 
INSTRUÇÕES DE PREPARO
Jejum: Jejum aconselhável de 4 horas.
 
INSTRUÇÕES DE COLETA
Coagulação:
A coleta deverá ser realizada com o mínimo de trauma possível, preferencialmente não utilizar garrote. A amostra deverá ser imediatamente transferida para o tubo de citrato, respeitando a marcação do mesmo para que a quantidade de sangue e anticoagulante sejam proporcionais ao volume coletado. Inverter os tubos de 8 a 10 vezes para homogeneização da amostra. Centrifugar imediatamente o tubo após homogeneização por 15 minutos a 3000 RPM. Em seguida, separar o plasma cuidadosamente em tubo de transporte. Repetir o processo de centrifugação e transferir novamente o sobrenadante para um novo tubo de transporte. Esse procedimento deve ser realizado para a obtenção de um plasma pobre em plaquetas. As plaquetas interferem no resultado do exame, pois podem aumentar o tempo de coagulação. Após esse procedimento, congelar imediatamente o plasma e enviar dessa forma para o DB. É muito importante que o material chegue congelado ao DB e não sofra descongelamentos, pois, dessa forma, ocorrerá interferência nos fatores e proteínas do processo de coagulação
 

INTERPRETAÇÃO
Diagnóstico de deficiências congênitas ou adquiridas do fator X da coagulação. É herdada de modo autossômico recessivo. As principais causas da deficiência adquirida são insuficiência hepática, amiloidose sistêmica, anticorpos contra o fator X, deficiência de vitamina K e na presença de anticoagulantes orais. Útil também na avaliação da função hepática e pacientes com TAP e⁄ou KPTT prolongados.
 

Sinonímia

FATOR X ATIVIDADE ; FATOR10

Informações Adicionais

Prazo de Entrega

7 Dias

Matarial

Plasma citratado Quantidade: 1 ml